31 de janeiro de 2015

[Filme #5] - Rurouni Kenshin


Título: Rurouni Kenshin | るろうに剣心
País: Japão
Gênero: Ação, Thriller, Histórico, Mangá
Ano: 2012
Nota: 9 ou 9.5/10


Vi no dia: 18/01/2015







Sinopse:

Battousai Hitokiri ficou conhecido por ser um dos melhores assassinos do país. Seu apelido, o Retalhador, ecoou por todos os cantos do Japão. Cansado de tanta matança, Himura abandona sua espada em plena batalha e faz um juramento: defenderá a justiça, mas não matará mais ninguém. Sua arma, porém, foi recolhida por um dos derrotados, Udo Jin-e. Vivendo como andarilho e usando um novo nome, Himura Kenshin, o ex-assassino vagueia pelos vilarejos até que, dez anos depois de sua decisão, ele chega a Tóquio. Lá, ele conhece Kaoru, uma jovem que herdou o dojo de seu pai, e teve o nome humilhado por um espadachim que usava o nome Battousai Hitokiri. Para provar que a suspeita de Kaoru está errada, Himura mostra a ela que ele não carrega espada alguma, apenas uma sakabato, uma arma de lâmina inversa. Ao mesmo tempo, alguns crimes acontecem na região e deixam a polícia em polvorosa, pensando que o lendário Retalhador está na cidade. Na verdade, Udo Jin-e está matando e deixando a culpa cair sobre Himura. Quando os dois samurais duelam, tudo fica claro. Ao lado do oficial da polícia, o rapaz passa a caçar Jin-e para descobrir quem está por trás de tudo isso e limpar seu nome. Quando Kaoru é sequestrada, é hora do real Battousai mostrar sua força. Fonte



Trailer:




Opinião:

Havia lido e visto muitos bons comentários a respeito desse filme e também como me recomendaram, assim que li a sinopse só confirmou que tinha de entrar na minha lista do por ver. Mas, entre esse meio tempo descobri que a história vinha de um mangá, de mesmo nome, então pensei em ler antes de ver o filme. Porém, quando fui olhar, o mangá tem tantos capítulos que praticamente o filme iria ficar para sei lá quando! Como já deu para perceber, desisti de ler primeiro e fui logo ao filme!

E gostei muito! A história tem um bom ritmo, e logo de início já vemos o que o Kenshin faz e algumas cenas mais adiante vemos no que ele se transformou. O porque da mudança só é mostrado no filme  mais tarde, e mesmo que antes dela acontecer, quando ele matava e colocava uma carta (ou nota) explicando o porque daquela pessoa ter morrido, já demonstrava que não fazia o que fazia simplesmente por querer ou gostar. Nos flashbacks vão nos mostrando as suas dúvidas e reflexões se deveria fazer ou não o que fazia. Dos outros personagens, não foi mostrado muito do passado deles, embora foi contado brevemente suas histórias de vida - o que é bom para que quem assista e não leu o mangá, não fique sem saber.

E adorei as cenas de luta! E tem várias desse tipo, então se gosta de cenas assim, é um bom prato. Gostei muito do ator principal, o Takeru Sato, que já o havia visto no drama Bitter Blood e gostado bastante também - e qual foi a surpresa, já que no personagem no drama ele era doce, desajeitado e bondoso? E neste filme aqui, fazendo, muito bem, um homem que carrega um passado muito difícil de lidar, com suas dores e todo o resto. Muito boa surpresa, não?

E com isso, pretendo ver os dois outros filmes, que foram lançados no ano passado, talvez sem muita demora. Quanto ao mangá, até penso em ler, mas acho que irei dar um tempo maior antes de o fazer - para não cansar a leitura, já que repetirá a história.

Não ouvi toda a trilha sonora, mas pelo que me lembro das instrumentais que tocou ao longo do filme eu gostei bastante, eram bem bonitas.
Uma que tocou já no final do filme e que chamou atenção foi esta:




E voltando...


Saudades de escrever!

Ainda estou me adaptando e com alguns problemas no pc novo, mas mesmo que seja aos poucos, quero que o blog não fique muito tempo sem posts novos. O próximo será sobre o filme que vi, o Rurouni Kenshin.

Até já! :)

14 de janeiro de 2015

Blog em ritmo lento


Esses dias o blog está em uma mini pausa, pois como ando organizando e mudando as coisas de pc, não tenho como postar como quero. Então acho melhor esperar e logo que faça tudo volte a escrever aqui. Na volta, quero trazer de algumas colunas que andam sem novos posts, embora ainda por enquanto não será no ritmo que era antes, também trazer algumas poucas novidades - ou até vir mais ideias para por em prática - e banners novos para as colunas e o blog também - mas isto terá de ser aos poucos, já que ainda não estão prontos.

Até logo! :)


11 de janeiro de 2015

Música [#37]






Essa vem do próximo álbum de uma banda que gosto muito, o Belle & Sebastian. O álbum se chama Girls in Peacetime Want to Dance e está para ser lançado entre os dias 19/20 de Janeiro. Saudades dessa banda!





Belle & Sebastian - 'Nobody's Empire' 



7 de janeiro de 2015

Estou Lendo...



 Liar Game 

Fiquei curiosa para ler o mangá do qual veio o dorama, que  depois de ter visto e gostado tanto das duas temporadas - versão japonesa - me deu incentivo para isso. Irei comentar depois sobre a versão para a tv - e o filme também, porém, ainda não o assisti -, mas em relação ao mangá terá de ser aos poucos, já que são tantos capítulos por ler.

Ainda estou no primeiro capítulo e notei algumas leves diferenças em relação ao dorama, mas por enquanto nada que interferisse demais na história.
Espero terminá-lo ainda essa semana, mas vamos ver.



E assim começa meu projeto para voltar a ler...







5 de janeiro de 2015

[Dorama #9] - Samurai High School


Título: Samurai High School | サムライ・ハイスクール
País: Japão
Gênero: Comédia, Fantasia, Escola
Ano: 2009
Nº de Episódios: 9
Nota: 7/10


Comecei no dia: 20/06/2014
Terminei no dia: 06/07/2014




Sinopse:

Mochizuki Kotarou é um estudante colegial que sonha em ser um alguém, mas é fraco demais para tentar alcançar a grandeza. Um dia ele é pego em uma luta e um espírito Samurai leva sobre ele e vitórias, proprietário original do espírito foi nomeado Mochizuke Kotarou também. Fonte


Trailer:





Opinião:


Quando li a sinopse e vi sobre o que era este drama, quis dar uma chance por achar que era divertido e leve - e curtinho, só 9 episódios. E não me enganei. Mas o drama não é só diversão: teve momentos de reflexão e ensinamentos, como ir lutar pelo que é ou acha justo.

Teve vários momentos em que me sorrir, o protagonista com seu jeito não tinha como não me fazer sentir isso. Gostei bastante dele - foi meu preferido - e do ator que o fez - quero ver mais dele.

As melhores partes eram quando o Samurai "tomava conta" do Kotarou. Quando ele levava alguma pancada - ou algo do tipo, não lembro ao certo - e amarrava o cabelo... Já sabia que viria coisa por aí - e das boas! :)

Foi bom ter visto. E agora a música tema:




4 de janeiro de 2015

Música [#36]




A primeira do ano ouvi há alguns dias (mas ainda em final de 2014) e gostei bastante. Vou colocar as duas versões que ouvi - não sei exatamente de quem é, mas as duas são bonitas. Em ordem de audição:





The Everly Brothers - Let It Be Me



Elvis - Let It Be Me 




2 de janeiro de 2015

Leituras 2015




Para o primeiro post do ano não vou fazer sobre metas literárias - ou sobre outras coisas -, já que o mais provável é que não cumpra nada. O máximo disso é que para o desafio do Goodreads marquei para ler 5 livros neste ano. Sim, apenas 5 livros por enquanto. Não quero empolgar e por além, já que no ano passado foi um fiasco e eu tinha planos e até entrei em desafios pensando que iria mudar e melhorar ao longo do ano. O que não aconteceu.


O que pensei em começar a fazer foi dar uma força ou um empurrão para voltar as leituras. Mesmo que seja aos poucos. Para isso, resolvi fazer um mini projeto, que chamo de Pequenas Leituras, que consiste em ler um conto ou história curta por semana. Vou tentar, mas não irei me pressionar - já que ler por obrigação também é péssimo e desestimulante, sendo que quero fazer isso para voltar a ler.
Bem, como não é um desafio e também não tem prazo para terminar, o Pequenas Leituras é algo que irei deixando no blog e a medida que for lendo, colocarei aqui algum comentário. Também irei tentar com hq/mangá/ou algo do tipo, embora ainda não sei se incluirei no Pequenas Leituras.



E agora é colocar em prática e esperar que melhore e volte as leituras neste ano.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...